Loading...

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Máscaras

Estou entrando de férias e me deparei que está em época de carnaval! Gosto de axé, pode parecer estranho uma alemoa gostar desse estilo de música, mas o fato é que de um jeito ou outro mexe com os ossos e isso é muito bom, hehe
Hoje escutei uma música da Cláudia Leitte, não sou fã dela, mas gostei da letra, fala das máscaras. Na letra ela fala para se despir de tudo que vestiu, deixar as máscaras caírem, deixar rolar, sentir a música que vem do chão e sacode os sentidos. Libertar a mente do que a mentira contou, como for!
Daí me peguei lendo o blog de uma menina jovem, mas um tanto madura que fala sobre ser você mesmo!
Parei pra refletir no dia-a-dia. Quantas pessoas são realmente o que são? Será que podem ser o que são?
Quantas máscaras um pessoa pode ter? Nossa!!!Quanta divagação! Mas é verdade, muitas vezes a pressão da sociedade nos impõe tal comportamento, tal modo de falar que quando se tem a oportunidade de ser o que se é, não se sabe mais, já se confundiu!
Ás vezes é bom ter uma máscara, naquelas situações onde você gostaria de estar se enfiando embaixo de uma mesa e ou , como o avestruz, num buraco, de tanta vergonha!
Bom o fato é que não sei dizer se é bom ou ruim, tenho a mania de observar as pessoas, e tentar entender o porquê dos comportamentos delas, e nisso já observei pessoas que utilizam a carapuça, ou máscara de diversos modos e situações adversas.
E eu? Faço uso de máscaras? Hum....não sei! Costumo ser muito sincera, já me ferrei por isso, mas também já aprendi a lidar com esse jeito sagitariano de ser franco! Sair pela tangente em ocasiões que qualquer comentário pode sujar a sua barra tem sido uma das alternativas, embora digam que quem cala consente né!
Mas pra tudo há um jeito de falar, eu sou bem melhor escrevendo do que falando porque a expressão facial, as minhas caras e bocas, me entregam de um jeito ou outro, quem me conhece sabe bem isso!
Então vamos nos despir das máscaras e ser quem se é, na sua essência!
Bjux e até a volta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário